Pular para o conteúdo principal

Glucosamina

Treinos, treinos e mais treinos e de repente: Dor! Não estou descrevendo a dor muscular, que sabemos ser necessária, #NoPainNoGain, mas digo a Dor Articular! =/
A parte de fortalecimento correto, usos de anti-inflamatórios e tudo mais deixo com os professores de educação física, médicos e com os fisioterapeutas. Vamos falar de uma substância que pode ajudar nesse processo de recuperação e de prevenção! clip_image001
Glucosamina é um carboidrato! E é um dos principais integrantes das cartilagens.
Especificamente, a glucosamina é um aminossacarídeo produzido pelo nosso organismo a partir da glicose.
Como não há fontes alimentares, então o jeito é suplementar.
Fontes para suplementos: os exoesqueletos de crustáceos! Para quem tem alergia de crustáceos fica um alerta!!!
Mecanismo de ação
A glucosamina age no TGF-B1 (Fator de Transformação de Crescimento – β1) que é uma proteína que controla a proliferação, diferenciação celular e outras funções na maioria das células. Aumentando a produção de colágeno e glicosaminoglicanos, além de regular a produção da matrix celular, ajudando no reparo das cartilagens.
clip_image002[7]
Dosagem:
Usa-se em torno de 1500 mg/dia, fracionado, três vezes por dia.
Apresentação:
Em pó, na forma de sachê efervescente, ou em cápsulas. Para quem tem sensibilidade gástrica é mais recomendando o uso do pó, devido ao elevado números de cápsulas para atingir o consumo.
Quando usar:
Para quem já está com diagnóstico de Artrite ou alguma inflamação articular.
Na conduta clínica, para quem treina intenso, acredito na importância para prevenção! Não precisando ser algo constante, mas esporádico ou contínuo e porém em menor quantidade.
Outras ações:
Glucosamina ajuda na firmeza da pele!!! *-*
O ácido hialurônico componente importante da pele, e muito usado em clínicas dermatológicas para tratar e dar mais vida a pele, é um glicosaminoglicanos!!!!!! Entãaaaao, como a glucosamina estimula os glicosaminoglicanos, estimula a produção de Ácido hialurônico \o/. E de quebra ajuda na síntese de colágeno!!!! Ótima combinação para uma pele mais bonita clip_image003
Diabetes:
Por ser um carboidrato foi muito cogitado a associação da Glucosamina com a resistência a insulina, mas essa associação foi descartada. 
Associações:
clip_image004Por muito tempo a glucosamina foi associada ao consumo de condroitina, porém essa combinação causava muito desconforto intestino devido aos gases formados a partir da condroitina. Como foi visto que a glucosamina isolada consegue dar conta do recado essa associação atualmente é pouco utilizada.
clip_image005Muitos suplementos importados já vem com MSM (Metilsulfonilmetano) que é uma fonte de enxofre para o organismo e é importantíssimo para a formação de colágeno nas articulações.
E para as dores temos os anti-inflamatórios naturais: Gengibre, cúrcuma e açafrão.
Bem, sobre glucosamina é isso!
Logo mais eu volto!
Van nutri

#nutricionistaesportivavanessalobato

Postagens mais visitadas deste blog

Café

Cafézinho! Eu amo!

Posso dizer que é o meu ponto fracos pois amo esta bebida! 
Tomo sem adoçar, pois o sabor é maravilhoso!!! =)
Como muitos brasileiros tem o hábito de consumir diariamente, vou descreve um pouco sobre essa bebida e as suas propriedades!



Qual a composição dessa bebida?
  O mais conhecido componente dessa saboroza bebida é a cafeína, entretanto, há outras substâncias como as lactonas, a celulose que estimula os intestinos; os minerais, que são aproveitados no organismo; os açúcares que dão o toque final ao sabor; e o material lipídico, responsável pelo aroma. Restam ainda as proteínas, que formam a tinta e dão cor ao café, e o tanino que interfere no sabor.


Especificações e Certificação do café:
Muito lemos sobre as propriedades do café, porém esquecemos que para a realização de um estudo a utilização de uma boa matéria-prima é essencial. Quando verificamos uma boa propriedade de um alimento é importante verificar a procedência desse, assim como quando verificamos uma efeit…

Cuidado! Nem todo alimento com alegação de ser integral contém SOMENTE carboidratos INTEGRAIS

O que são alimentos integrais?
Não há uma legislação específica que defina como deve ser um produto integral, mas o Ministério da Saúde considera alimento integral aquele que sua estrutura não foi alterada, mantendo integridade de seus nutrientes sem perder os valores quantitativos e qualitativos. E por isso muitos se confundem com a grande oferta de opções de integrais na prateleira.
Bora desconfundir?
Considere um pão integral ou biscoito integral ou macarrão integral aquele que contiver na sua composição FARINHA DE TRIGO INTEGRAL! Melhor ainda se não tiver associado a farinha de trigo refinada.
Muitos pães são feitos com farinha de trigo refinada e com a adição de alguns cereias, o mais comum é a fibra de trigo. Isso faz com que o teor de fibras do pão aumente, porém não faz com que esse pão seja considerado integral, nem que tenha um índice glicêmico mais baixo.
Exemplos de Macarrão com Farinha de trigo refinada com adição de algum cereal integral para se caracterizar como integral…

Whey Protein

atualizado 01/07/2012

Atualmente, exercício físico é à base de qualquer programa de prevenção de doenças, de manutenção da saúde e de melhora do bem-estar físico.
Mas, algumas pessoas querem mais do que estar saudável querem ficar Sarados!!! Quando essas pessoas chegam à academia com o objetivo de hipertrofia, emagrecimento, ou "secar" = reduzir somente tecido de gordura - logo vão ouvir a indicação de que deverá tomar suplemento protéico, e o mais indicado dos suplementos é o Whey Protein.
Mas, o que é esse tal de WHEY PROTEIN?
Whey protein é um suplemento alimentar proveniente do leite. Que pode ser extraído do soro do processamento de queijos ou os mais recentes que são extraídos diretamente do leite.

Curiosidade: São necessários de 200 a 2000 litros de leite para produzir 1 kg de whey protein.

Segundo a ANVISA – Agência Nacional de Vigilância Alimentar, suplementos alimentares são ALIMENTOS especialmente formulados e elaborados para praticantes de atividade física (...)
IM…