Pular para o conteúdo principal

Actimel L. casei imunitass


Está rolando na net acusações referentes ao produto Actimel


Vamos entender um pouco sobre esse produto e outros da mesma categoria - Alimentos com alegação de probióticos!
O que é um probiótico?
Probióticos são microorganismos (mcg) vivos que numa quantidade de cepas controladas podem causar benefícios para o nosso corpo.


Para um produto ser considerado como probiótico deve conter pelo menos 1X108 Unidade Formadora de Colônias (UFC) chegando vivo até o intestino.
"Relembrando: Tudo que consumimos tem que passar pela boca, esôfago e estômago para chegar até o intestino, e lembre-se também que o nosso estômago tem o pH Ácido, fator limitante para a chegada dos mcg vivos até o intestino".
Então, a quantidade de microorganismos nos produtos têm que ser superior a 1X108 = 100.000.000 UFC, pois alguns não resistiram ao pH ácido do estômago!
Para proteger os mcg é usado um carboidrato, que pode ser açúcar ou fibra, para envolver essas bactérias e impedir que o ácido clorídrico do estômago "mate-as".


Nós produzimos probióticos?
NÃO! Durante a gestação a nossa mãe nos protege do meio externo, impedindo que qualquer bactéria se aproxime de nós, assim quando nascemos o nosso intestino é estéril – sem microorganismos!
O primeiro contato com bactérias é no momento do parto - normal. Após o parto inicia-se o processo de colonização, que é mantido com o aleitamento materno que contêm os prebióticos – fibras alimentares que "alimentam" essas bactérias. Esse é o primeiro estímulo para o nosso sistema de defesa funcionar! É o primeiro aviso que fora do útero da mãe nós deveremos nos defender desses pequenos seres!


Para que são importantes essas bactérias?
Uma microbiota saudável – com vários microorganismos benéficos, ajuda na produção de antibióticos e antifúngicos; tem ação competitiva contra mcg patogênicos; ajuda na constipação por estimular os movimentos peristálticos no sistema digestório; estimula o nosso sistema imunológico; Metaboliza alguns medicamentos, hormônios, carcinógenos; além de serem essenciais na síntese de vitaminas do complexo B e da vitamina K no intestino;
Bem, são vários os benefícios, por isso atualmente houve um aumento no número de produtos que disponibilizam esses probióticos na nossa alimentação.


Mas, será que somente o consumo desses produtos é o suficiente?
Não! Mais importante do que consumir os probióticos é mantê-los vivos no nosso organismo!!!! E como fazemos isso? Consumindo fibras, os prebióticos. São elas, presentes nos legumes e nas verduras e frutas, que alimentam as nossas bactérias, assim estimulam o crescimento delas mantendo-as por mais tempo.


IMPORTANTE!
Lembremos que independente das funções benéficas das bactérias, em excesso poderá causar mal! Nossa mãe deixava nos consumirmos mais de um yakult por dia? Não! Por que se não teríamos uma bela de uma diarréia, não é?! Para esses novos produtos a regra é a mesma, quantidade controlada – UM por dia!


Por quanto tempo podemos consumir?
Não há estudos que demonstrem um tempo limite para o consumo desses alimentos. Sabe-se, que em média 14 dias de consumo os efeitos positivos começam a aparecer.
Por ser algo, "novo" +/- 20 anos, não sabemos se um uso diário e contínuo por muuuuitos anos pode atrapalhar a microbiota normal do nosso organismo. Para responder isso deveremos aguardar alguns longos anos...
Mas, sabemos que o uso consciente desse auxilia no nosso bem estar e saúde!


É medicamento ou suplemento alimentar?
A resposta é: Depende o tipo de cepa utilizada. No Brasil os seguintes probióticos são considerados suplementos: Lactobacillus: bifidus, rhamnosus, streptococcus, acidophilus, bulgaricus, casei (Presente no Yakult, no Sofly e no Actimel), os bacilos dan regulares (Activia), as bifidobactérias (Bio fibras) etc.


Pessoas com doença inflamatória no estômago ou no intestino, ou deficiência do sistema imune devem consultar um nutricionista ou médico para o consumo desses alimentos.


Não vejo problemas de consumir um iogurte com probiótico por dia para auxiliar na defesa e na constipação intestinal. Mas lembre-se que nenhum suplemento ou produto industrializado substitui uma alimentação saudável!

Att,
Van nutri

Vanessa Lobato Nutricionista Esportiva
#Nutrição Esportiva


Postagens mais visitadas deste blog

Colágeno e Firmeza da pele

ATUALIZADO EM 18/maio/2016

O que é colágeno? Colágeno é uma proteína (Proteína é o "coletivo" de aminoácidos) que tem como função principal dar estrutura, sustentação celular, sendo componente de pele, ossos, cartilagens, ligamentos e tendões.
Os aminoácidos que formam o colágeno na sua grande maioria são: lisina, glicina, prolina e hidroxiprolina. Mas, também contêm na sua cadeia os outros 17 aminoácidos, porém em quantidades reduzidas.

Nosso corpo sintetiza vários tipos de colágeno, porque esse compõe várias partes do corpo como a matriz orgânica dos ossos, os tecidos conjuntivos de todos os nossos ligamentos (tendões), constitui também a pele, o cabelo, o sangue e os vasos sanguíneos. Para cada local o corpo sintetiza um tipo de colágeno diferente.



Tipos de colágeno:
TIPOFunçõesIEste é o colágeno mais abundante do corpo humano. Está presente no tecido cicatricial, o produto final quando tecido cicatriza por reparação. Pode ser encontrada nos tendões, pele, paredes da artéri…

Probióticos

O que são Probióticos?

São microorganismos vivos que numa quantidade controlada causam benefícios ao nosso organismo.Existem no mercado alguns produtos com alegação de probióticos como os Leite Fermentados Sofly, Actimel, Yakult (yakult e yakult +30), os iogurtes Activia, Biofibras e Lective, e além dos vendidos em sachês ou cápsulas com uma maior concentração e/ou variedades de cepas (tipos) de probióticos.

Para um produto ser considerado como probiótico é necessário conter uma quantidade mínima de 108 unidade formadora de colônia (UFC) que cheguem VIVAS até o intestino.Vale ressaltar que tudo que consumimos tem que passar pela boca, esôfago e estômago para chegar até o intestino, e lembre-se também que o nosso estômago tem o pH Ácido, fator limitante para a chegada dos microorganismoa vivos até o intestino.Então, a quantidade de microorganismos nos produtos têm que ser superior a 1X108 = 100.000.000 UFC, pois alguns não resistiram ao pH ácido do estômago!Para proteger os microorgani…

Whey Protein

atualizado 01/07/2012

Atualmente, exercício físico é à base de qualquer programa de prevenção de doenças, de manutenção da saúde e de melhora do bem-estar físico.
Mas, algumas pessoas querem mais do que estar saudável querem ficar Sarados!!! Quando essas pessoas chegam à academia com o objetivo de hipertrofia, emagrecimento, ou "secar" = reduzir somente tecido de gordura - logo vão ouvir a indicação de que deverá tomar suplemento protéico, e o mais indicado dos suplementos é o Whey Protein.
Mas, o que é esse tal de WHEY PROTEIN?
Whey protein é um suplemento alimentar proveniente do leite. Que pode ser extraído do soro do processamento de queijos ou os mais recentes que são extraídos diretamente do leite.

Curiosidade: São necessários de 200 a 2000 litros de leite para produzir 1 kg de whey protein.

Segundo a ANVISA – Agência Nacional de Vigilância Alimentar, suplementos alimentares são ALIMENTOS especialmente formulados e elaborados para praticantes de atividade física (...)
IM…