quarta-feira, 24 de junho de 2015

Manipulados





Muitos pacientes meus têm dúvidas: porque duas, três, quatro cápsulas? 
Ou Porque você coloca na prescrição tomar uma dose ao invés de uma cápsula?

Na manipulação um dos modos de colocar os ativos é em cápsulas. Porém,  diferente de comprimidos,  não há a possibilidade de comprimir o conteúdo.  Sendo assim, dependendo da quantidade de ativos não há a possibilidade de caber em uma única cápsula,  que num geral cabe 500 a 600mg ;)

Mas, aí vem outra pergunta: Van, somei os ativos prescritos e não dá 600mg, porque foi colocado em duas cápsulas, então?

Bem, há uma grande possibilidade de ser o que "acompanha " o ativo.  
Por exemplo,  quando prescrevo o mineral magnésio: Há várias maneiras de prescrever. Nos polivitamínicos comum,  de farmácia,  a grande maioria está na forma de sal (estearato de magnésio, por exemplo).  Já eu prescrevo associado a um aminoácido (chamamos de quelato) ou na forma de aspartato o que garante a absorção total do ativo.

Pensando no mineral o que difere é a absorção e a ação do "acompanhante ", que no caso do exemplo prefiro o aspartato.

Bem, se prescrevo 100mg de magnésio (aspartato) quero que no manipulado contenha 100mg do magnésio!  Parece óbvio! Mas nem sempre é!

Nos polivitamínicos convencionais temos 100mg de magnésio na forma de estearato de magnésio, que acaba tendo SOMENTE cerca de 15mg do magnésio :(

Já na manipulação de 100mg de magnésio aspartato,  subentende-se que terá 100mg de magnésio + 400mg que é o "acompanhante ".

Isso é uma justificativa de em algumas farmácias ter uma, duas ou mais cápsulas e outras não. Porém, para "baratear" colocam menos do ativo! Absurdo né, mas acontece.

#Dicadanutri
#Nãobriguemcomasfarmáciasdemanipulaçãorsrsrs


Um comentário:

  1. Ótima informação. Então quando consta na bula por exemplo (como você citou o magnésio), 700 mg de magnésio glicinato sendo que 150 mg é de magnésio elementar, significa que desses 700 mg apenas 150 é do magnésio?

    ResponderExcluir