sábado, 4 de fevereiro de 2012

Metabolismo Lento? Alimentos Termogênicos?

Lose-Extra-Calories-With-Right-Diet
Muitos pacientes/clientes reclamam que tem o metabolismo lento e por isso o peso corporal aumentou. Será?
Bem, isso é verdade.
Mas, o que faz o metabolismo ficar lento? Não, não é o hipotireoidismo ou a “tireóide” como falam. Esse erro metabólico realmente causa vários transtornos, mas na grande maioria o problema não é esse.
***E vale ressaltar também que após acertar a medicação o metabolismo é corrigido e esse não fica mais lento, ok.***
Voltando: Cerca de 70% dos nossos gastos calóricos – energia – é devido a atividade M.U.S.C.U.L.A.R. Entãaaaaaaao, quem tem menos massa muscular, terá um metabolismo mais lento.
Homens naturalmente devido a ação hormonal – testosterona – tem mais massa muscular que a mulher, por esse motivo mesmo tendo o mesmo peso corporal possue um metabolismo mais rápido. E por isso pessoas que não treinam e acabam “perdendo” – reduzindo – o tecido muscular tendem a ter mais facilidade em aumentar o peso corporal.
Vamos estudar o que pode ajudar a aumentar o metabolismo!
Primeiro: O QUE É METABOLISMO?
É a taxa ( em kcal – representanto o gasto calórico ) que o corpo queima energia para se manter vivo nas 24hs por dia, treinando ou em repouso, acordado ou dormindo, todos os dias.
***Metabolismo Basal: gasto energético em repouso***
Agora sim! Vamos ver o que pode afetar negativamente o seu metabolismo:
  1. Tecido muscular: São FUNDAMENTAIS para o aumentar o metabolismo.
  2. Frequência das refeições: Quanto maior o intervalo entre as refeições mais lento deixará o seu maetabolismo. Se não damos energia para o corpo esse POUPA energia.
  3. Intensidade da atividade física: Quanto mais intenso maior o gasto, maior aumento do metabolismo.
  4. Tipos de alimentos: Alto consumo de açúcares simples, libera muito hormônio insulina, causa rebote na glicemia, causando queda no metabolismo.
  5. Hidratação: Mais de 70% das funções do corpo acontecem na presença de água. A falta de água faz com que o seu metabolismo fique lento.
  6. Genética: Algumas pessoas têm um metabolismo naturalmente mais acelerado do que outras. Você não pode mudar a genética, mas pode estimular a aceleração do seu metabolismo.
  7. Produção e função dos hormônios: Em alguns casos há distúrbio hormonal como o hipotireodismo. Mas na maioria das vezes a causa não é essa.
  8. Estresse: Faz com que o corpo libere cortisol, deixa o corpo em alerta e pronto para armazenar e poupar energia. Além disso, o quadro de estresse leva muitas vezes a quadro de ansiedade que faz com que muitas pessoas tendem a comer mais.
O que fazer para aumentar o metabolismo:
PRINCIPAL: INICIE A PRÁTICA ESPORTIVA!!!!
INICIE O CONSUMO DE ALIMENTOS TERMOGÊNICOS!
Alimentos termogênicos são aqueles alimentos que aceleram a queima de energia pelo organismo.
O desenvolvimento contínuo e regular do calor nos seres vivos é chamado de termogênese, que pode ser ativado por compostos alimentares originários de nutrientes bioativos.
Os mecanismos de ação dos termogênicos é pela atuação no Sistema Nervoso Central, estimulando o estado de alerta e concentração, retardando a fadiga muscular e aumentando a disposição para os exercícios físicos, ou atuando diretamente nos adipócitos, células que armazenam gordura, potencializando a quebra das gorduras durante o exercício.
Veja alguns alimentos que tem essa propriedade:
PIMENTA VERMELHA – PIMENTA CAIENA: A pimenta aumenta cerca de 20% do metabolismo por aumentar a circulação sanguínea e aumenta a temperatura corporal. A ativo responsável por essa ação é a capsaicina, que é a substância que proporciona à pimenta vermelha sua característica “picante”, auxilia na redução da gordura corporal. Pode ser usada como tempero de pratos quentes e saladas, cerca de 3 a 4g por dia.
GENGIBRE: Tem ação antioxidante e acelera o metabolismo. O gengibre pode ser consumido cru em chás ou para saborear a água. Pode ser usado no tempero de aves e peixes, refogado, deve ser consumido três vezes ao dia.
CHÁ VERDE: Acelera o funcionamento do metabolismo pela presença das catequinas.
As catequinas inibem a enzima COMT, responsável pela degradação da norepinefrina. Esta inibição resulta em aumento, ou efeito mais prolongado, da norepinefrina na termogênese do metabolismo das gorduras. Pode ser consumido gelado ou quente. Para saborear use canela em pau ou gengibre ou cravo. http://nutrivanessalobato.blogspot.com/2009/07/camellia-sinensis-e-sua-diversidade-de.html
CANELA: Acelera a queima de gordura. Consuma de uma a duas gramas, duas vezes ao dia, na forma de chá, polvilhada em sopas ou preparada com queijo, gratinada no forno ou polvilhada em frutas como maçã ou banana.
A canela ajuda a reduzir o Índice Glicêmico dos alimentos!!!! Opção para dietas controladas em carboidratos e para diabéticos.
GUARANÁ EM PÓ: Possui cafeína e acelera o funcionamento do corpo. Adicione dois gramas em sucos e vitamina de frutas.
ÁGUA GELADA: Consumir oito copos de água gelada por dia queima cerca de 200 calorias. Isto porque o organismo gasta energia para elevar a temperatura da água de 5ºC para 37ºc, que é a temperatura corporal interna.
Outros também entram na lista: laranja, kiwi, café preto, chá mate, hortelã, alimentos ricos em ômega-3 (salmão, sardinha, cavalinha, bacalhau, etc), algas, soja, brócolis, água de coco, mostarda, aspargos, couve, acelga e até derivados de chocolate cominho, mostarda, cebola, alho e curry.
Bem, o aumento do metabolismo, o aumento no processo de queima de gordura é demorado. Então, vamos com calma! Não adianta consumir todos os alimentos termogênicos de uma única vez que poderá causar além de desconforto gástrico pode causar insônia, irritação, agitação e dores de cabeça.
MODERAÇÃO!!!!
E LEMBRE-SE: PRATIQUE ATIVIDADE FÍSICA! TREINE DIARIAMENTE!
Em breve postagem sobre suplementos termogênicos Smiley piscando

Att,
Van nutri
Vanessa Lobato Nutricionista Esportiva
#Nutrição Esportiva