quarta-feira, 23 de maio de 2012

Probióticos



O que são Probióticos? probioticos

São microorganismos vivos que numa quantidade controlada causam benefícios ao nosso organismo.
Existem no mercado alguns produtos com alegação de probióticos como os Leite Fermentados Sofly, Actimel, Yakult (yakult e yakult +30), os iogurtes Activia, Biofibras e Lective, e além dos vendidos em sachês ou cápsulas com uma maior concentração e/ou variedades de cepas (tipos) de probióticos.
Para um produto ser considerado como probiótico é necessário conter uma quantidade mínima de 108 unidade formadora de colônia (UFC) que cheguem VIVAS até o intestino.
Vale ressaltar que tudo que consumimos tem que passar pela boca, esôfago e estômago para chegar até o intestino, e lembre-se também que o nosso estômago tem o pH Ácido, fator limitante para a chegada dos microorganismoa vivos até o intestino.Então, a quantidade de microorganismos nos produtos têm que ser superior a 1X108 = 100.000.000 UFC, pois alguns não resistiram ao pH ácido do estômago!Para proteger os microorganismos (da ação ácida do estomado) é usado um carboidrato, que pode ser açúcares ou fibras, para envolver essas bactérias e impedir que o ácido clorídrico do estômago "mate-as".


Nós produzimos probióticos?
NÃO! Todo microorganismo vem do meio externo para o nosso corpo.
O primeiro contato que temos é logo no nascimento, principalmente quando passamos pelo canal vaginal (parto normal).
Durante a gestação a nossa mãe nos protege do meio externo, impedindo que qualquer bactéria se aproxime de nós, assim quando nascemos o nosso intestino é estéril – sem microorganismos!
Após o parto inicia-se o processo de colonização, que é mantido com o aleitamento materno que contêm os prebióticos – fibras alimentares que "alimentam" essas bactérias. Esse é o primeiro aviso que fora do útero da mãe nós deveremos nos defender desses pequenos seres, e por isso é o primeiro estímulo para o nosso sistema de defesa funcionar!

Quais as importantes dessas bactérias?
Uma microbiota saudável – com vários microorganismos benéficos, ajuda na produção de antibióticos e antifúngicos; tem ação competitiva contra microorganismos patogênicos; ajuda na constipação por estimular os movimentos peristálticos no sistema digestório; estimula o nosso sistema imunológico; Metaboliza alguns medicamentos, hormônios, carcinógenos; além de serem essenciais na síntese de vitaminas do complexo B e da vitamina K no intestino;
Bem, são vários os benefícios, por isso atualmente houve um aumento no número de produtos que disponibilizam esses probióticos na nossa alimentação.
image

Mas, será que somente o consumo desses produtos é o suficiente?
Não! Mais importante do que consumir os probióticos é mantê-los vivos no nosso organismo!!!!
E como fazemos isso?
Consumindo fibras, os prebióticos. São elas, presentes nos legumes e nas verduras e frutas, que alimentam as nossas bactérias, assim estimulam o crescimento delas mantendo-as por mais tempo.

IMPORTANTE!
Lembremos que independente das funções benéficas das bactérias, em excesso poderá causar mal! Nossa mãe deixava nos consumirmos mais de um yakult por dia? Não! Por que se não teríamos uma bela de uma diarréia, não é?! Para esses novos produtos a regra é a mesma, quantidade controlada – UM por dia!

Por quanto tempo podemos consumir?
Não há estudos que demonstrem um tempo limite para o consumo desses alimentos. Sabe-se, que em média 14 dias de consumo os efeitos positivos começam a aparecer.
Por ser algo, "novo" +/- 20 anos, não sabemos se um uso diário e contínuo por muuuuitos anos pode atrapalhar a microbiota normal do nosso organismo. Para responder isso deveremos aguardar alguns longos anos...
Mas, sabemos que o uso consciente desse auxilia no nosso bem estar e saúde!

É medicamento ou suplemento alimentar?
A resposta é: Depende o tipo de cepa utilizada. No Brasil os seguintes probióticos são considerados suplementos: Lactobacillus: bifidus, rhamnosus, streptococcus, acidophilus, bulgaricus, casei (Presente no Yakult, no Sofly e no Actimel), os bacilos dan regulares (Activia), as bifidobactérias (Biofibras) etc.
Temos os probióticos vendidos em sachê, maior concentração: LactoFOS, LactoPro da marca SKL-Pharma®, SimFort da Vitafor®, Lactivos da Roberg® e UltraBiotics – Douglas Laboratories®.
Outros produtos contendo outras cepas são considerados suplementos.
Pessoas com doença inflamatória no estômago ou no intestino, ou deficiência do sistema imune devem consultar um nutricionista ou médico para o consumo desses alimentos.
DICA 1: Você quem treina pesado e quer hipertrofiar o máximo com o mínimo de gordura lembre-se que o seu sistema imune tem que estar forte. Já aconteceu de estar fazendo o trabalho perfeito para crescer e quando menos espera você fica “gripado”? Então, os probióticos o ajudaria a evitar esse processo.
DICA 2: Para quem está seguindo um plano alimentar para “secar” os probióticos ajudam a diminuir a possibilidade do sistema imune cair e “gripar” no meio do processo.
DICA 3: Para mulheres com candidíase e/ou infecção urinária de repetição, ou pessoas com infecção no trato respiratório: adicione os probióticos a sua dieta! O tratamento será mais completo que já os probióticos irão COMPETIR com o fungos candida e com as bactérias da infecção urinária! Alho também é um excelente alimento para ajudar nesse tratamento.
DICA 4: Para quem tem rinite, sinusite, bronquites e todas as “ites” tente o consumo dos probióticos! Smiley piscando

Att,
Van nutri

Vanessa Lobato Nutricionista Esportiva
#Nutrição Esportiva

31 comentários:

  1. Olá Vanessa!
    Muito bom seu texto, obrigada por compartilhar seu conhecimento =)
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Adorei o texto!! Super completo!! Ester x.terr@hotmail.com

    ResponderExcluir
  3. Olá, gostaria de fazer uma ressalva! Você diz que não produzimos probióticos, no entanto, os probióticos são microrganismos que habitam o trato gastrointestinal humano, logo, eles se multiplicam no nosso organismo. O consumo de probióticos seria uma suplementação dos microrganismos benéficos que já possuímos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O cara quer ensinar com " ressalvas " e ainda posta em anônimo ... esse precisa de um pouco de biologia celular e microbiologia !!!! rs

      Excluir
  4. Olá!

    Concordo! Mas, apenas disse que nós não produzimos! No nosso organismo ocorre a MULTIPLICAÇÃO desses, mas não temos a capacidade de "criar" "sintetizar" bactérias. ;)

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie!!!
      Têm várias marcas: SIMfort – Vitafor®, Lacto B – Invictus®; Lacto Fos – Invictus®; Lactivos – Roberg®; UltraBiotics – Douglas Laboratories®.

      Excluir
  6. Marcia Santos
    Adorei seu texto, obrigada pela informação.

    ResponderExcluir
  7. Parabéns pelo site e
    obrigado por compartilhar com a gente!
    Pra manipular na farmacia quais tipos deveriam conter e dosagem?

    ResponderExcluir
  8. Olá. Qual a diferença em consumir em cápsulas ou chá?

    ResponderExcluir
  9. Vanessa, de quanto em quanto tempo devo trocar a marca do probioticos? Uso há 6 meses o simfort, está na hora de trocar de marca? o organismo pode "viciar"?

    ResponderExcluir
  10. Esse Site tem doadores de Kefir (Iogurte Probiótico) em todo o Brasil e outros 5 tipos de Probióticos e quem doa pode se cadastrar também para ajudar mais pessoas: http://probioticosbrasil.wix.com/probioticosbrasil

    ResponderExcluir
  11. Posso consumir esses probióticos sem consulta médica? Pode trazer algum tipo de risco?

    ResponderExcluir
  12. Minha nutricionista me deu a receita e eu mandei manipular, fui viajar e ele ficou dentro do meu carro por algumas horas. Ele estava dentro do recipiente de isopor que já veio da farmácia, mas quando eu peguei estava morno, eu devo continuar tomando ou ele perdeu o beneficio ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá
      Aconselho você ligar para a farmácia de manipulação para verificar, ok.

      Excluir
  13. Minha nutricionista me deu a receita e eu mandei manipular, fui viajar e ele ficou dentro do meu carro por algumas horas. Ele estava dentro do recipiente de isopor que já veio da farmácia, mas quando eu peguei estava morno, eu devo continuar tomando ou ele perdeu o beneficio ? Quanto tempo eles duram fora da geladeira ?

    ResponderExcluir
  14. É bom avisar que em caso de candidíase vaginal, os probióticos podem ser enfiados naquele lugar, de preferência sob orientacão médica.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim sim, mas como é preciso ter mais cuidados eu acabo não colocando como informação.
      ;)
      Obrigada

      Excluir
  15. Olá, Vanessa!
    O que vc acha do prolive?

    Obrigada!

    ResponderExcluir
  16. Oi Vanessa, qual o momento ideal de consumir os probióticos? To em dúvida se 30 minutos antes de uma refeiçao ou com alimentos! Bjs e obrigada

    ResponderExcluir
  17. Oi Vanessa, qual o melhor momento de tomar o probiótico? To em dúvida se 30 minutos antes ou com alimentos! Bjs e obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em jejum ou antes de dormir após uma hora de consumir algo.

      Excluir
  18. O lactofos pode ser usado para fazer yogurte caseiro ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie

      Não sei :/

      Você pode fazer o iogurte usando um comum, tem a opção do kefir. Acredito que dê certo, mas não sei com certeza.
      Pergunte para o SAC da empresa ;)

      Excluir
  19. Boa tarde Vanessa.
    Gostei muito de suas informações.
    Tenho uma dúvida...soube por um médico naturista que devemos usar probióticos encapsulados com gel. Fiquei sem saber o que fazer, pois minha nutricionista funcional me receitou Lactofos. O lactofos é bem eficiente ou vou ter que usar um em cápsula? E qual seria?
    Obrigada desde já. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Junice!!!

      Tantos os sachês quanto os em cápsulas possuem a mesma ação, ok!

      Excluir
    2. Muito obrigada querida e que Deus continue lhe conduzindo com esse lindo trabalho.
      Bjim

      Excluir
  20. Vanessa ótimo teus Post,não tinha achado nada tão explicado,vi na TV o Murilo Pereira,nutricionista c mestrado na área intestinal,e ele colocou que devemos usar p 3 meses depois usar de vez enquando, a minha dúvida é qdo repetir p qto tempo,e o intervalo de qto tempo . obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá
      Obrigada

      Você pode ciclar dois meses sem e um com. Não tem muita regra, pois consumindo os prebioticos a flora intestinal aumentará e se manterá naturalmente.
      E, se caso precisar usar algum antibiótico é sempre indicado logo após iniciar o consumo dos probióticos.

      Att

      Excluir