sábado, 16 de outubro de 2010

Dia Mundial da Alimentação – 16.out

16out

O dia Mundial da Alimentação é promovida pela Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura – FAO/OMS.

Nesse ano o Tema do Dia Mundial da Alimentação é:

“Unidos contra a fome”.


Essa data é um apelo à colaboração e união de todos, estado, organizações e simples cidadãos, em parceria em todos os níveis, para derrotar a pobreza, a fome e a desnutrição extrema. A sociedade civil e o setor privado representam uma extraordinária força política, social e económica a todos os níveis.


Essa data foi criada em 1983 e desde então os números de pessoas com fome foram crescentes e em 2009 alcançou a marca de 1.02 bilhões de pessoas com fome, a partir daí foi criado uma petição online para mostrar a indignação de todos com essa situação com o nome “1 bilhão com fome” – ACESSE: http://www.1billionhungry.org/

Após a criação dessa petição pela primeira vez em cinco anos o número de pessoas com fome reduziu de 1,02 bilhões para 925 milhões! Não é o suficiente, mas é um começo!

Participe também! Acesse o link: 1 bilhão com fome e mostre a sua indignação!


10 AÇÕES NA LUTA CONTRA A FOME

A World Food Programme - WFP, maior agência humanitária de combate à fome no mundo, SUGERE várias maneiras de tomarmos partido nessa luta.


Faça pelo menos uma!!!! Já irá ajudar!


1. Entre no link http://www.freerice.com/ e responda ao quiz teste. Para cada resposta correta, você faz uma doação de dez grãos de arroz para as pessoas que passam fome. Não haverá custos para você.

2. Use o seu twitter para divulgar dados relacionados à fome no mundo e sugestões para combatê-la. Você pode usar as sugestões do site http://www.wfp.org/stories/10-ways-fight-hunger-right-now.

3. Ofereça um presente diferente para uma pessoa querida: faça uma doação e adicione uma foto ao mural contra a fome http://wall.wfp.org/

4. Baixe o jogo de computador http://www.wfp.org/how-to-help/individuals/food-force e direcione sua própria missão humanitária a uma ilha devastada pela guerra. Compartilhe com seus amigos e filhos, que vão adorar o jogo.

5. Confira o vídeo blog http://www.wfp.org/on-the-road que vai te mostrar o que está envolvido no combate à fome mundial.

6. Cozinhe para seus amigos uma refeição preparada com 2 reais (US$ 1,00) para dizer-lhes que mais de um bilhão de pessoas fazem isso todos os dias.

7. Você tem facebook? Vá até a página do WFP e clique em curtir. Esta é mais uma maneira de manter-se atualizado sobre as questões da fome no mundo e mostrar o seu apoio.

8. Quando a comida é escassa, mulheres e crianças sofrem mais. Capacitar as mulheres é um passo fundamental para quebrar o ciclo da fome. Envie uma mensagem de solidariedade às mulheres do mundo inteiro,http://www.wfp.org/focus-on-women e o WFP se encarrega de que ela será ouvida.

9. Conte a um professor sobre o wfp.org. O WFP gostaria muito de ver as questões da fome serem discutidas nas escolas. Baixe algumas sugestões de tópicos para as aulas http://www.wfp.org/students-and-teachers .

10. Saiba mais sobre a nutrição em 2 minutos. http://www.wfp.org/videos/nutrition-2-minutes-0 Aprenda porque ela é tão importante.


E o Brasil?


A fome no nosso país não está relacionada à falta de alimentos, mas sim à falta de acesso das pessoas pobres à renda para consumir e aos meios para produzir alimentos. Além de graves problemas no transporte e armazenamento dos alimentos!

O ActionAid no Brasil – http://www.actionaid.org.br/- fundada em 1998 é uma organização não-governamental, afiliada à ActionAid Internacional tem como objetivo promover os direitos humanos para superar os processos que produzem e mantém o empobrecimento.


AÇÕES CONTRA FOME NO BRASIL – ActionAid Brasil

http://www.actionaid.org.br


Acesso a Recursos Naturais: O direito de acesso e controle das populações tradicionais a recursos naturais como terras agricultáveis, sementes nativas, água e produtos das florestas, entre outros, é fundamental para a conquista de sua segurança alimentar e de uma vida com dignidade.


Acesso a Meios de Produção: Estimula a adoção de sistemas de produção agroecológicos em projetos rurais em nove estados brasileiros – Pará, Tocantins, Maranhão, Piauí, Ceará, Paraíba, Pernambuco, Bahia, Minas Gerais - em conjunto com seus parceiros locais. São técnicas de baixo custo, que respeitam o meio ambiente e garantem a autonomia do agricultor familiar.


Acesso a Comercialização: No Brasil não há uma polírica de liberação comercial que auxilie a agricultura familiar que é resposnável por 40% da produção agrícola nacional.

Para garantir que a segurança alimentar e os meios de subsistência dos agricultores pobres sejam preservados e desenvolvidos com justiça é necessário influenciar a reforma das políticas comerciais internacionais para a inclusão dos interesses dos agricultores familiares na pauta das negociações comerciais agrícolas brasileira.


Acesso a Alimentos: Apesar de algumas melhoras observadas no padrão nacional, a desnutrição infantil continua a ser uma questão de saúde pública.

O mapeamento nutricional infantil, a adoção de fitoterapia, multimistura e de cursos de aproveitamento nutricional dos alimentos são algumas das iniciativas apoiadas pela ActionAid.


Alimentação

Um direito de Todos!
Um dever do Estado!
Uma campanha de todos nós!


Faça a sua parte! Ajude, divulgue!


Att,

Vanessa Lobato

Nutricionista

Nenhum comentário:

Postar um comentário